carinho próprio

Leia a Notícia

Mas afinal, o que é uma Limpeza de Pele Profissional?

24/09/2019

A pele é o maior órgão do corpo e funciona como uma barreira entre o meio interno e externo. Mantê-la limpa e íntegra facilita a permeação de agentes externos aplicados sobre ela com objetivos diversos, como nutrição, hidratação, clareamento, entre outros.

A limpeza de pele profissional é o tratamento cutâneo básico, que higieniza profundamente a pele, sendo considerada indispensável no preparo tecidual para os demais tratamentos, pois remove superficial e profundamente a oleosidade cutânea.

O procedimento é constituído pela aplicação de substâncias químicas (cosméticos), utilizados em uma sequência lógica e específica, que objetiva a remoção das células mortas, oleosidade e resíduos que obstruem os canais foliculares e geram os comedões (cravos), pápulas (espinhas vermelhas) e pústulas (espinhas brancas).

Os produtos utilizados na Limpeza de Pele são indicados para remover as sujidades cutâneas, ao passo que os esfoliantes são específicos para retirada das células mortas. Ambos facilitam o processo de extração, uma vez que desobstruem a saída dos folículos, havendo assim menor resistência na remoção de seus conteúdos.

Após este processo são utilizados produtos emolientes como a trietalonamina e algum agente dilatador como a máscara térmica, que agem na dilatação dos poros e amolecem os resíduos que serão extraídos.

A sequência básica de uma limpeza de pele profissional costuma seguir os seguintes passos:

1. Higienização;

2. Esfoliação;

3. Emoliência;

4. Extração;

5. Desinfecção;

6. Tratamento Cosmético;

7. Tonificação;

8. Finalização.

Em quais situações é indicada a Limpeza de Pele?

· Higiene profunda da pele;

· Preparo cutâneo para aplicação de cosméticos;

· Preparo cutâneo para tratamentos eletroterapêuticos;

· Controle da oleosidade;

· Tratamento coadjuvante para acne.

Em quais situações a Limpeza de Pele é contraindicada?

· Gestantes ou Lactantes; (Devem ter cuidado com os produtos utilizados já que algumas substâncias podem ser prejudiciais ao desenvolvimento fetal ou para o bebê, no caso das lactantes).

· Acnes grau 3 a 5;

· Infecção grave na área tratada;

· Rosácea nodular ou papular ativa;

· Hipersensibilidade ou alergia aos produtos utilizados;

· Lesões desconhecidas e não diagnosticadas.

Gostou dessas informações? Como você tem cuidado da sua pele? Alguma vez já fez uma Limpeza de Pele Profissional? Conta pra gente nos comentários.

Um beijo,

Bru do Carinho Próprio

Fonte: Terapêutica em estética: conceitos e técnicas/ organização Fábio dos Santos Borges, Flávia Acedo Acorza. - 1. ed. - São Paulo: Phorte, 2016

Compartilhe:

!-- Go to www.addthis.com/dashboard to customize your tools -->